fbpx
Sahifa fully responsive WordPress News, Magazine, Newspaper, and blog ThemeForest one of the most versatile website themes in the world.

Catarata congênita: principal causa de cegueira infantil

Lentes de contato: cuidados necessários
19 de novembro de 2018
Mostrar Todos

O cristalino é uma lente transparente natural do olho que ajuda a focar a luminosidade externa, permitindo que as pessoas enxerguem as imagens formadas. A catarata ocorre quando o cristalino perde a sua transparência, o que prejudica a visão dos indivíduos. A incidência mais comum de catarata é em idosos, devido ao envelhecimento natural do cristalino que acontece ao longo da vida. Porém, atinge também bebês e crianças e é considerada a principal causa de cegueira na infância. Se a doença está presente desde ou logo após o nascimento, a chamamos de catarata congênita.

 

Como a catarata congênita pode ser identificada?

A doença pode ser identificada logo após o nascimento do bebê, através do Teste do Olhinho. Ele é realizado pelo pediatra ainda na maternidade e permite detectar diversas doenças oculares que, se identificadas, deverão ser acompanhadas imediatamente com um oftalmologista.

Os pais também podem procurar o especialista se observarem que a criança:

  • Evita a luz e coça os olhos quando está em ambientes iluminados
  • Não consegue fixar o olhar
  • Não consegue seguir objetos com os olhos

Qual a causa da catarata congênita?

A doença pode ter várias causas: fatores hereditários, infecções contraídas no útero, anomalias de desenvolvimento e outras doenças adquiridas pela mãe durante a gestação (rubéola, toxoplasmose, sífilis materna, etc.). Por isso é essencial que as mulheres realizem corretamente todo o pré-natal para que seja minimizado o risco de o bebê nascer com algum tipo de problema.

Qual a forma de tratamento?

O tratamento depende de cada caso e a necessidade de cirurgia deve ser avaliada pelo oftalmologista. Nem todos os casos são cirúrgicos e alguns podem ser apenas acompanhados juntamente com uma abordagem clínica, que envolve tampões, colírios e óculos. O período entre o diagnóstico e o tratamento é fundamental para garantir uma melhor qualidade de vida para o paciente.

Conheça mais sobre a catarata clicando aqui!

Quer agendar uma consulta? Clique aqui e agende de forma rápida e prática!